Pular para o conteúdo

Puigdemont Enterra Artur Mas E Exige Obediência Ao PDeCAT

    Puigdemont Enterra Artur Mas E Exige Obediência Ao PDeCAT 1

    Carles Puigdemont enterrado neste sábado, no pai e messias do recurso independentista catalão, Artur Mas, e exigiu obediência cega ao PDeCAT para acompanhá-lo ao precipício da investidura ilegal. Neste sábado, Puigdemont ofereceu provas de que almeja escoltar instalado em sua fantasia o tempo que for primordial com o único fim de pôr em perigo a firmeza política do Estado. O ex-presidente da Generalitat ignorou as chamadas para o “realismo” que realizaram o Mais próprio e a número 2 da ERC, Marta Rovira. Minutos antes de Puigdemont tomasse a frase o Conselho Nacional do PDeCAT, sua demissionário presidente repudiou, em seu último discurso antes de deixar o cargo, os “líderes com um exagero de ideologia”.

    Os líderes, insistiu Mais, “que não sabem ler a realidade e acabam confundindo com a sua ideologia”. Mas conseguiu uma reação fechada de seus associados, conseguiu que Pascal quebrar a lacrimejar em público, contudo não fez hesitar, a Puigdemont. “Não sofremos nenhum transtorno de ideologia. Apenas defendemos a democracia”, rebateu o candidato de Junts per Catalunya perante o dirigente, que lhe cedeu a testemunha do procés e neste momento retira-se incapaz de conter a tua desbocada herdeiro. Dando sinais de suficiência de quem se descobre imbatível, Puigdemont mesmo se atreveu a dirigir-se, pessoalmente, a Mais nos seguintes termos: “eu Sou falível, todavia insobornable”.

    Uma mensagem assim como válido pra Rovira, que desde o outro extremo do Barcelona, acabara de se mostrar: “É necessário que o independentismo enfrente tuas dificuldades com absoluto realismo”. A secretária-geral da ERC avisou a Puigdemont do perigo que supõe crer a sua reeleição pra “recuperação das instituições”.

    “Isso significaria perpetuar o post 155, robustecer o Governo do PP”, alegou, antes de apostar em “continuar sondando parcerias com as fronteiras do soberanismo”, ou melhor, com os comuns. Salvo surpresa, o independentismo tem assegurada a tua maioria no organismo, ainda que a Justiça não permita votar nos deputados fugidos em Bruxelas.

    O candidato nacionalista para presidir a Mesa tem garantidas 65 votos: os parlamentares eleitos de JxCAT, ERC e a CUP presentes no hemiciclo e os emitidos por Oriol Junqueras, Jordi Sànchez e Joaquim Forn da prisão.

    O candidato do Local poderia se igualar estes 65 votos se você recebe o suporte dos deputados do PP, o PSC e Catalunya em Commune Podem e seria escolhido por ter ganho Cidadãos as eleições. Mas o grupo parlamentar dirigido por Xavier Domènech se recusa a apoiar o candidato da geração laranja, que, então, só conseguiria 57 apoios. O independentismo poderá, então, salvar-se com certa solidez da constituição da Câmera, porém a posse se caracteriza bem mais complicada.

    1. 2 Estádios e pavilhões 18.2.1 Estádio de futebol
    2. Provocar pânico coletivo e afetar a firmeza social
    3. dois Século XX 4.3.2.1 Guerra Civil Espanhola
    4. Registado em: 16 ago 2008
    5. 1914: começo do pontificado de Bento XV

    O presidente deposto neste momento avisou, este sábado, a ERC que a eleição da Mesa e da investidura é “um pacote indivisível”. Ou seja, que necessitam preservar o suporte até o conclusão e não desembarcar após a constituição do Parlamento. “Não investirme seria uma fraude democrática”, cessou Puigdemont, isolado em sua realidade.

    Um espaço de 6.000 metros quadrados, organizados em 4 andares e dotado de uma sala limpa com hipótese de acrescentar a 2, laboratórios multiuso, escritórios, salas de reuniões, áreas de armazenamento e além da medida áreas comuns. O Centro de Tecnologia de Nanomateriais e Sustentabilidade (Nanotec) recebe o trabalho de investigação do Instituto Volcanológico de Canárias (Involcan).

    Marcações: